Visitas

Encontros para grupos agendados com foco nas exposições, na arquitetura e nos jardins do MAM. Eixos temáticos: Corpo e Identidades; Onde Começa o Museu?; Práticas Artísticas; Modernidades e Contemporaneidades. Terça a sexta 13h e 15h previamente agendado.

 

Eixos temáticos – Percursos das visitas
Em outubro de 2012, o Núcleo Experimental iniciou uma nova proposta de visitas mediadas a partir de eixos temáticos. Os educadores criam o percurso com base no tema escolhido, característica dos participantes e interesse do professor/responsável pelo grupo.

Eixo temático 1: Corpo e identidades

Eixo temático 1: Corpo e identidades

O corpo é um lugar sensível, espaço primeiro do estar e de ser, do habitar e de se situar. É através dele que comunicamos e nos reconhecemos como parte das diversas realidades com as que nos relacionamos. Na história da arte, o corpo e a identidade, seja individual ou social, aparecem sempre interligados como representações de humano e de uma época. Diante disso, propomos vivências e reflexões onde tais conceitos, acionem a experiência entre arte e vida contemporânea, qualificando e questionando nosso ser e estar no mundo.

Eixo temático 2: Onde começa o museu?

Eixo temático 2: Onde começa o museu?

As relações abertas da arquitetura do MAM de Afonso Eduardo Reidy, com os jardins de Roberto Burle Marx, inspirou o crítico de arte Frederico Morais, a ampliar a ideia de coleção, tradicionalmente limitada a objetos, quadros e esculturas, para a visão de um acervo poético que inclui o silêncio, a brisa e a vegetação. Perguntamos diante do MAM e da baía de Guanabara – onde, então, começa o museu? O que podemos entender por um museu ampliado? Propomos exercícios poéticos para explorar coleções imaginárias dialogando ou desafiando as relações, limites e fronteiras entre museu e vida cotidiana.

Eixo temático 3: Práticas artísticas

Eixo temático 3: Práticas artísticas

Como imaginamos que as obras de arte nascem? Abordaremos os diferentes processos artísticos a partir das obras em exposição e suas relações com outras linguagens a fim de estabelecer, por via de conversas e práticas artísticas, uma aproximação efetiva com o experimental como meio para constituir e interligar as diversas formas de conhecimento.

Eixo temático 4: Modernidades e Contemporaneidades

Eixo temático 4: Modernidades e Contemporaneidades

O que entendemos por moderno e contemporâneo? É possível formarmos um novo olhar sobre a história e a experiência da arte através de uma leitura transdisciplinar, desconstruindo linearidades e cronologias? É com base na aceleração da vida atual, nos deslocamentos de tempo, espaço e memória produzidos pelos contextos e novas tecnologias contemporâneas que pretendemos explorar outras formas de ver, pensar e experimentar as relações com as diferentes temporalidades que vivemos hoje.

– –
Saiba mais: Visitas em grupo
  Galeria |  Retornar Programas

Anúncios

Uma resposta em “Visitas

  1. O Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, através do Núcleo Experimental e suas visitas mediadas a partir dos eixos temáticos, nos deu oportunidade e fez entender por um olhar diferente, o moderno e contemporâneo, tem por isso seu lugar especial em nossos corações, alunos e professores do CIEP 500 de Paracambi, que ultrapassa as experimentações pedagógicas e artísticas. “O ser arte e vida.” Parabéns pelo lindo e importante trabalho e agradecemos de coração essa rica oportunidade, esperamos e queremos poder aprender, pensar e experimentar mais…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s