Fórum de Múltiplas Vozes: Nan Goldin

A vinda da mostra da Nan Goldin para o MAM inspirou a primeira ação conjunta entre a curadoria e o Núcleo Experimental de Educação e Arte, através da organização de uma série de conversas entre diferentes profissionais cujas áreas de conhecimento e atuação são direta e indiretamente tocadas pelas contundentes imagens da artista.

A proposta partiu das indagações: O que significa expor? O que significa expor Nan Goldin? Estas perguntas foram discutidas entre dezembro de 2011 e janeiro de 2012, por uma equipe transdisciplinar, reunida pela curadoria do MAM, Luiz Camillo Osório e Marta Mestre, e a coordenação do Núcleo Experimental de Educação e Arte, Jessica Gogan e Luiz Guilherme Vergara. Participaram destes encontros Virginia Mota (artista educadora do Núcleo), Ligia Canongia e Adon Peres (curadores da mostra Nan Goldin), Alvaro Piquet (advogado, presidente da ASMAM – Associação de Amigos do MAM), Jailson Souza (Professor da Faculdade de Educação da UFF e fundador do Observatório de Favelas), Tania Rivera (Professora do Departamento de Arte da UFF, e estudos da psicanálise e arte), Túlio Batista Franco (coordenador do Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva da UFF). Reuniram se a esse grupo as contribuições do artista Victor Arruda e do Presidente do MAM, Carlos Alberto Gouvêa Chateaubriand.

Os vários depoimentos coletados expressam diferentes visões do que se expõe neste universo de imagens e o que está além das imagens em si? O significado desta exposição coloca o expectador diante de afetos, conceitos e preconceitos que ultrapassam o visível ou ainda tornam-se visíveis no contato com estas imagens. É justamente no campo relacional entre o expectador e a realidade exposta que se concentra a potência existencial e sublime das travessias estéticas entre mundos da arte e vida da Nan Goldin. Para debater e refletir esta conjugação de leituras de mundo e arte, foi preparado um espaço produzido com coletas de depoimentos que chamamos de Fórum de múltiplas vozes.

O espaço “Fórum de múltiplas vozes” com o áudio envolvendo a questão geradora – o que significa expor?

O que significa “expor Nan Goldin?” O MAM traz como foco educativo crítico a pergunta pelo o que significa expor? Ativando para a experiência expositiva diferentes sensibilidades e percepções sobre a complexa relação entre arte e vida, tão presentes na mostra. Toma-se assim o forum de múltiplas vozes como partido para o campo integrado entre curadoria e educação que se complementam diante dos conteúdos expressivos, plásticos, existenciais e poéticos das imagens vivas de Nan Goldin.

Fórum de Múltiplas Vozes 01. Nan Goldin – Heartbeat

Programação:

qua 14 16h Fórum de Múltiplas Vozes – NAN GOLDIN HEART BEAT, com Túlio Franco (Prof. Instituto de Saude da Comunidade/ UFF), Laboratório de Estudos do Trabalho e Subjetividade em Saúde (UFF).

qua 21 16h Fórum de múltiplas vozes – NAN GOLDIN HEART BEAT, com Tania Rivera (psicanalista e Doutora em Psicologia pela Université Catholique de Louvain) e Jailson Silva (Coordenador do Observatório de favelas da Maré),

qua 28 16h Fórum de múltiplas vozes – NAN GOLDIN HEART BEAT, com Ligia Canongia (co-curadora de “Heartbeat – Nan Goldin”) e Álvaro Piquet (advogado e presidente da Associação de Amigos do MAM)

– –
Realização: 14, 21 e 28 de março de 2012

Saiba mais sobre: Fórum de Múltiplas Vozes: Nan Goldin
 Retornar Programação passada |  Retornar Iniciativas em colaboração

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s